Lucena faz visita em maternidade para averiguar denúncias em sua estrutura

Lucena faz visita em maternidade para averiguar denúncias em sua estrutura

A Comissão de Saúde da Câmara Municipal do Natal realizou na tarde desta segunda-feira (09), uma visita de inspeção à maternidade Leide Morais, situada no bairro Potengi, zona Norte da cidade. A visita teve como objetivo verificar problemas denunciados, referentes à iluminação do centro cirúrgico e à alimentação, que estava sendo servida através de quentinhas para  pacientes e funcionários. 

O diretor-geral da maternidade, Paulo Henrique Cardoso, desmentiu a informação e explicou o que de fato aconteceu na unidade. “Tivemos alguns momentos difíceis, de transições de contrato que geraram um desconforto quanto ao abastecimento, mas que já foram todos resolvidos, já está tudo funcionando normalmente”, ressaltou.

Referente à denuncia da iluminação, o diretor explicou que tudo foi solucionado de imediato. “De imediato foi tudo resolvido, foi um dia em que houve uma chuva muito forte em Natal e várias lâmpadas queimaram dentro da maternidade, mas na medida em que foram queimando elas já foram sendo substituídas e não houve nenhum procedimento que tenha sido realizado totalmente no escuro”, explicou. 

Os vereadores Fernando Lucena (PT) e Franklin Capistrano (PSB) constaram que os problemas foram solucionados e que a maternidade estava funcionando normalmente. 

“Nós recebemos essas duas denúncias. É claro que foi explicado pelos diretores, que houve aquele temporal e queimou algumas lâmpadas do centro cirúrgico e não impediu em momento algum dele funcionar. Questão de alimentação também foi o fim de um contrato para o outro, mas isso também foi resolvido e durante esse período foi fornecido pelas UPAS. Nós fomos à cozinha e está funcionando plenamente. Além disso, tem a reforma que está funcionando a todo vapor e isso é bom”, destacou o presidente da Comissão, vereador Fernando Lucena. 

Segundo o vereador Franklin Capistrano, a Comissão seguirá acompanhando o funcionamento da maternidade Leide Morais. “A função da Comissão de Saúde é fiscalizar. Nós não somos responsáveis por executar os programas de saúde, nós estamos para fiscalizar o andamento do trabalho desenvolvido pela secretaria nas unidades. E aqui estou muito feliz, porque estou em uma unidade referencial na zona Norte. Eu sou do tempo em que aqui não tinha maternidade e foi uma conquista também da Câmara esse equipamento, que está servindo muito bem a região. Aqui estou satisfeito, muitos funcionários bons e capacitados para administrar a maternidade, que atende também outros municípios. A comissão está aqui para fiscalizar e ajudar no que precisar”, finalizou Franklin. 

Maternidade Leide Morais
Inaugurada em 2009;
40 Leitos (sendo três do pronto-socorro);
4 enfermarias;
Média de 5 partos/dia.

Visita da Comissão de Saúde na Maternidade Leide Morais, realizada em 09.03.20

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.